Skip to content

CNM cobra aprovação do projeto do ISS

14 de agosto de 2016

Nesta semana o movimento municipalista cobrou do Congresso o projeto que pode significar receita de aproximadamente R$ 6 bilhões para os Municípios brasileiros com a arrecadação do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS).   Representantes da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e outros agentes municipalistas estiveram reunidos com o senador Romero Jucá (PMDB – RR) para reivindicar a manutenção do texto do Substitutivo da Câmara dos Deputados (SCD) 15/2015. Essa é a segunda vez que a CNM se reúne com Romero Jucá para tratar sobre a proposta. O projeto, já aprovado na Câmara, altera a Lei Complementar 116/2003 e dispõe sobre o ISS, de competência dos Municípios e do Distrito Federal.  A CNM entende que o texto do relator, senador Roberto Rocha (PSB-MA), atende aos interesses dos Municípios. Por isso, a entidade ressaltou na reunião a importância do projeto para os Municípios e soliciou a aprovação sem destaques do relator. A proposta aguarda votação no Plenário do Senado. Jucá é o autor da proposição. A CNM também tratou com o parlamentar sobre o repasse extra de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Até agora, os Municípios só receberam 0,75%. A defasagem de 0,25% representa uma receita de aproximadamente R$ 807 milhões. Também participou da reunião o Superintendente Federal de Agricultura de Roraima, Plácido Alves. – See more at: http://www.matogrossoeconomico.com.br/blog-post/cnm-cobra-aprovacao-do-projeto-do-iss/10791#sthash.R7moYycu.dpuf

From → Notícias

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: