Pular para o conteúdo

Recordes de arrecadação devem ser temporários, indica estudo da IFI

3 de novembro de 2021

A arrecadação do governo federal saltou 22,3% nos 9 primeiros meses de 2021, mas deve caminhar para patamares mais moderados de crescimento no longo prazo. É o que sugere um estudo publicado pela IFI (Instituição Fiscal Independente) nesta 2ª feira (1º.nov.2021).

Segundo a IFI, a receita tende a responder de forma mais acentuada a uma elevação do PIB (Produto Interno Bruto) no curto prazo, como vem ocorrendo em 2021. Porém, tende a registrar taxas de crescimento mais moderadas no longo prazo. A IFI calculou que a receita do governo cresce de 1,17% a 1,51% para cada 1% de variação do PIB no intervalo de alguns trimestres. Porém, diz que esse ritmo de crescimento cai para cerca de 0,92% a 0,98% no intervalo de anos.

“Estes resultados sugerem que, muito embora possam ocorrer intensas elevações ou perdas de arrecadação no curto prazo (isto é, quando consideramos alguns trimestres consecutivos), a resposta da arrecadação ao PIB tende a retornar para patamares moderados no longo prazo, crescendo inclusive a uma velocidade um pouco inferior ao PIB”, afirma a IFI.

Ainda de acordo com o estudo, isso quer dizer que, “para cada 1% de crescimento (contração) do PIB, a arrecadação total tende a crescer menos do que 1%, quando consideramos prazos mais longos”. “Assim, como conclusão parcimoniosa, temos que esta metodologia sugere que a resposta da receita ao PIB tenderá à moderação no futuro próximo”, afirmou a IFI.

A IFI calculou a chamada elasticidade da receita em um momento de alta expressiva da arrecadação. A Receita Federal calcula que a arrecadação com tributos – impostos e contribuições federais foi recorde em 7 dos 9 primeiros meses de 2021.

O diretor-executivo da IFI, Felipe Salto, disse que “o estudo mostra que o ganho de arrecadação observado nos últimos meses é temporário”. “A inflação perpassa todo esse movimento. O trabalho indica que não há razões para acreditar em uma elasticidade Receita-PIB superior a um”, afirmou.

Fonte: https://www.poder360.com.br/economia/recordes-de-arrecadacao-devem-ser-temporarios-indica-estudo-da-ifi/

From → Notícias

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: